Arquivo e Museu Timorense disponibiliza 30 mil documentos na internet

371

O Arquivo & Museu da Resistência Timorense, em Díli, recolheu já 50 mil documentos dos quais 30 mil se encontram digitalizados e disponíveis na Internet, disse hoje o seu diretor executivo, Antoninho Batista Alves.
O responsável participa no VI Encontro de Museus de Países e Comunidades de Língua Portuguesa que começou segunda-feira e termina hoje à tarde no Museu do Oriente, em Lisboa.
Antoninho Batista Alves anunciou ainda vários projetos de ampliação do Arquivo & Museu, como uma ala junto do tribunal, em Díli, onde funcionará uma cafetaria, um espaço para exposições temporárias e um auditório.

Fonte: Visão