Frank Gehry transparente no novo edifício da Fundação Louis Vuitton

ghery_louis_vuitton

Os custos do projecto oscilam entre os cem e os 160 milhões de euros conforme a fonte e esta é, no fundo e como descreve oFinancial Times, uma casa para a colecção de arte de Bernard Arnault. Que inclui peças de Picasso, Yves Klein, Henry Moore, Andy Warhol, Frank Serra, Jeff Koons, Gilbert&George, Basquiat, Francis Bacon, Damien Hirst ou Mark Rothko.

Lá decorreu o desfile de pronto-a-vestir da Vuitton para o Verão de 2015, há duas semanas, e a oposição que este implante no acarinhado Jardin d’Acclimatation foi ultrapassada – vários grupos preocupados com a conservação do Bois de Boulogne tentaram impedir a construção, mas foram vencidos em tribunal, e, segundo a Economist, o projecto está legalmente enquadrado como imóvel de interesse público e foi acordado que a ocupação do terreno (onde antigamente funcionava um salão de bowling) se faria em troca da passagem do edifício para as mãos da autarquia dentro de 55 anos.

Fonte: Público

Artigo completo