Projetos portugueses nomeados para prémio europeu de arquitetura Mies Van Der Rohe

miles_van_der_rohe

Seis projetos portugueses estão nomeados para a edição de 2015 do Prémio da União Europeia para a Arquitetura Contemporânea, galardão atribuído de dois em dois anos pela Comissão Europeia e pela Fundação Mies van der Rohe.

Os Edifícios Centrais do Parque Tecnológico de Óbidos, da autoria de Jorge Mealha, o Data Center da Portugal Telecom na Covilhã, de João Luís Carrilho da Graça, a Torre da Palma Wine Hotel, de João Mendes Ribeiro, o Centro de Alto Rendimento do Pocinho, de Álvaro Fernandes Andrade, a Escola Lima de Freitas em Setúbal, de Ricardo Carvalho e Joana Vilhena, e o Museu da Oliveira e do Azeite de Mirandela, de Manuel Graça Dias, são os projetos nacionais nomeados para o European Union Prize For Contemporary Architecture — Mies Van Der Rohe Award 2015 (Prémio da União Europeia para a Arquitetura Contemporânea).

Fonte: Diário Digital /Lusa