Estado Islâmico destrói dezenas de estátuas milenares no Iraque

 

 

Mais um ataque do Estado Islâmico. Desta vez não contra vidas humanas, mas contra monumentos de valor incalculável. Esta quinta-feira a organização terrorista divulgou um vídeo onde é possível ver os seus militantes a destruírem dezenas de estátuas e relíquias milenares. Algumas das peças datavam dos séculos VII e VIII a.C..

O ataque aconteceu no Museu Histórico de Mossul, no Iraque – uma das cidades sob o domínio do Estado Islâmico desde junho de 2014. Segundo a agência EFE, entretanto citada por vários órgãos de comunicação social, no vídeo é possível ouvir um dos terroristas a gritar: “O profeta Maomé ordenou que nos livrássemos das estátuas e das relíquias. Os seus companheiros fizeram o mesmo quando conquistaram cidades em seu nome”.

Fonte: Observador

Artigo completo