Águeda: gravuras atribuídas a Rembrandt não são originais

 

A Direção-Geral do Património Cultural informou hoje que as gravuras até agora analisadas, atribuídas a Rembrandt e que estiveram expostas no Museu da Fundação Dionísio Pinheiro, em Águeda, não são originais.

«Algumas das gravuras foram enviadas e analisadas por especialistas do Laboratório José de Figueiredo. Após o processo de análise verificou-se que não se tratavam de originais», esclareceu à Lusa fonte da DGPC.

Segundo a mesma fonte, «os resultados desses exames e análises já foram comunicados à Fundação Dionísio Pinheiro».

Fonte: Diário Digital / Lusa