Famalicão candidata Antoninas a Património Cultural Imaterial

marchas_antoninas_famalicao

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão quer ver as Festas Antoninas inscritas no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial. Para isso, vai apresentar uma candidatura no âmbito do projeto regional Romarias do Minho, constituído pela maioria dos municípios do baixo e do alto Minho, com a missão de identificar, estudar, valorizar e promover as principais festividades minhotas no país e fora dele.

O objetivo é valorizar e salvaguardar esta tradição secular do concelho, classificando-a como Património Cultural Imaterial, mas ir mais além, de forma a projetá-la internacionalmente, explica a propósito o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha.