Municípios fundam Associação Portuguesa de Cidades e Vilas Cerâmicas

aptcc

Os representantes das cidades cerâmicas europeias de Itália, França, Espanha, Roménia, Alemanha, Polónia e República Checa reúnem-se em Mafra nos dias 16 e 17 de abril, associando-se à cerimónia de constituição da Associação Portuguesa de Cidades e Vilas Cerâmicas (AptCC).

O grupo de arranque da AptCC é formado por Alcobaça, Aveiro, Barcelos, Batalha, Caldas da Rainha, Ílhavo, Mafra, Montemor-o-Novo, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Tondela, Viana do Alentejo, Viana do Castelo e Vila Nova de Poiares, tendo a sede sido instalada nas Caldas da Rainha e estando consensualmente definido que, neste primeiro mandato, a presidência da Associação é assumida por Mafra.

A escritura pública da Associação Portuguesa, a ser assinada no dia 17 de abril pelas 14 autarquias – que inicialmente se organizaram para promover e preservar a cerâmica portuguesa – permitirá a Portugal ter assento no Agrupamento Europeu de Cidades Cerâmicas (AeuCC), uma estrutura criada em 2014 com peso institucional junto da Comissão e do Parlamento Europeu e que está a preparar e a desenvolver outros projetos culturais e económicos, patrocinados por várias organizações internacionais, incluindo a UNESCO.