Artista português Artur Barrio expõe no Museu Rainha Sofia

artur_barrio_reina Sofia

Uma exposição dedicada ao artista português Artur Barrio, conhecido por usar materiais perecíveis nas suas obras, abriu esta quarta-feira, no Museu Rainha Sofia, em Madrid, com documentos e registos do seu arquivo, e uma intervenção no espaço museológico.

“Experiencias y situaciones” (“Experiências e Situações”, em português) é o título desta exposição, com curadoria do português João Fernandes, que ficará patente até 27 agosto no Museu Rainha Sofia, de acordo com o website da entidade.

Nascido no Porto, em 1945, mas a residir no Rio de Janeiro desde 1955, Artur Barrio venceu o Premio Velázquez de Artes Plásticas 2011, e foi galardoado com o Grande Prémio Fundação EDP Arte 2016.

Num texto sobre o artista, o museu considera-o “uma das figuras essenciais das artes de ação e dos conceptualismos da América Latina desde finais dos anos sessenta, quando irrompeu a cena criativa brasileira num contexto marcado pelas transições políticas, e crescente repressão pela ditadura militar”.

Fonte: Observador

Para mais informações (+)