“Carvão de AÇo”. Exposição de Fotografia na UTAD

87

exp_carvao_aco

Com o objetivo de retratar o ainda existente trabalho infantil nas empresas portuguesas de 1992, Adriano Miranda desceu ao mundo subterrâneo nas Minas de Carvão do Pejão, em Castelo de Paiva, onde encontrou uma realidade mais crua: uma escuridão brutal, com homens “duros” e pintados pelo negro do carvão.  Foi esta a realidade que registou através da lente da sua máquina fotográfica, projecto que se prolongou até 1994, o ano do encerramento do complexo mineiro e que agora se apresenta na exposição “Carvão de Aço”.

A exposição Carvão de Aço – Fotografias de Adriano Miranda, é uma iniciativa da Câmara Municipal de Castelo de Paiva e do autor Adriano Miranda, que a cederam aos Parceiros do ROTEIRO DAS MINAS E PONTOS DE INTERESSE MINEIRO E GEOLÓGICO DE PORTUGAL para itinerância.