Vida e obra de Johnny Hallyday inspira museu

53

Johnny Hallyday

A viúva do músico francês Johnny Hallyday está “cheia de planos” para continuar o legado do marido, incluindo a criação de um museu e uma escola de música, noticiou a agência noticiosa AFP, que cita o canal televisivo RTL.

Segundo Laeticia Hallyday, estes “projetos estavam no coração” do cantor, que morreu a 05 de dezembro último, aos 74 anos, na sequência de um cancro. O álbum póstumo de Johnny Hallyday, “Mon pays c’est l’amour” (“O meu país é o amor”), já vendeu 300.000 cópias desde sexta-feira.

Questionada sobre a forma de honrar a memória de um homem que influenciou gerações de franceses, Laeticia Hallyday afirmou que projeta constituir um museu e uma escola de música, mas sem ter dado detalhes, designadamente a localização e prazos. “Quero continuar para fazê-lo viver, continuar a viver a sua arte, sua paixão… “, disse.

Fonte: Observador