“Contar Áfricas” em exposição, no Padrão dos Descobrimentos

63

Estátuas, capulanas, cerâmica, quadros, instrumentos musicais, fotografias, instrumentos de caça e muitas outras peças da História africana compõem esta mostra intitulada ‘Contar Áfricas!’, e que tem como ponto de partida um “exercício científico-museológico” cujo desafio é “contar África e não a visão que de África tiveram os portugueses”, afirmou António Camões Gouveia, coordenador da exposição.

“Escolhemos a palavra ‘contar’, porque ‘dizer’ era muito impositivo, e ‘Áfricas’ para forçar um título que mostrasse que estamos à procura de plurais, conjuntos onde se distinguem apontamentos”, explicou, numa apresentação à comunicação social, ocorrida na passada quinta-feira.

O objetivo é “chamar a atenção sobre África”, um mundo “muito desconhecido e complexo” que tem formas de organização social e política, religiosa e simbólica, muito próprias, como, por exemplo, o peso das mulheres em determinadas culturas, a música, as línguas, ou até mesmo os reinos e os impérios que tinham, em alguns casos com moeda própria.

“Tentámos encontrar uma maneira de dizer que África tem diferenças e que, se calhar, temos que rever a totalidade de África”, acrescentou.

Para isso, o Padrão dos Descobrimentos, convidou 72 investigadores que estudam, há muitos anos, África, nas suas mais variadas vertentes, para escolherem peças e palavras e com elas desenhar um percurso para conhecer essa África diversa e múltipla.

Destes, obteve 41 respostas positivas de investigadores em áreas tão diversas como música, etnografia, antropologia ou literatura africanas, que escolheram peças emblemáticas, de natureza e proveniência muitíssimo variadas.

Participaram ainda a associação de professores de Geografia, a associação de professores de História e a associação de afrodescendentes.

(…)

‘Contar Áfricas!’ vai estar aberta ao público até dia 21 de abril e, durante esse tempo, haverá algumas visitas guiadas, ao domingo, ações de formação para professores e outras para o público, cada uma destas sobre um tema específico, que pode ser a música, a fotografia, as capulanas, o cinema, ou a palavra.

Para mais informações: (+)