Espólio de Veloso Salgado foi legado ao Museu do Chiado

69

O espólio de família do pintor José Maria Veloso Salgado (1864-1945), que inclui pintura, desenho, fotografias, mobiliário e vários objectos, foi legado ao Museu Nacional de Arte Contemporânea, em Lisboa, indicou esta sexta-feira à agência Lusa fonte da entidade.

De acordo com a curadora e conservadora do museu, Maria de Aires Silveira, que tem acompanhado o processo, o conteúdo da casa de família do artista foi deixado em testamento, pela neta, Conceição Veloso Salgado, após a sua morte, há cinco anos.

Através da investigação já iniciada ao espólio, Maria de Aires Silveira descobriu cartas e desenhos que estabeleceram uma ligação a outros artistas, quando Veloso Salgado viveu em França, com uma bolsa de estudo, e daí surgiram pistas para encontrar duas pinturas inéditas que estarão expostas até Fevereiro de 2019 no Museu Nacional de Arte Contemporânea/Museu do Chiado.

Fonte: Público