Bonecos de Estremoz integram actividades extracurriculares

32

A produção dos Bonecos de Estremoz, em barro, que ostenta há um ano o “selo” da UNESCO, já é ensinada nas escolas do concelho alentejano, como atividade extracurricular, e as peças vão ter etiquetas de certificação.

A “Produção de Figurado em Barro de Estremoz“, vulgarmente conhecida como bonecos de Estremoz, foi classificada como Património Cultural Imaterial da Humanidade, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), em 7 de dezembro de 2017, na sequência de uma candidatura apresentada pelo município.

Um ano depois da distinção, “várias escolas do 1.º ciclo do concelho já proporcionam, como atividade extracurricular, oficinas sobre os bonecos“, disse esta quinta-feira à agência Lusa Márcia Oliveira, vereadora da Cultura da Câmara de Estremoz, no distrito de Évora.

As atividades nas escolas fazem parte do plano de salvaguarda e valorização desta arte de caráter popular, “praticamente concluído”, assim como o processo de Certificação do Modo de Produção do Boneco de Estremoz, explicou a autarca.

Fonte: Observador