British Library celebra vida e obra de Da Vinci

26

Em 2019, cumprem-se os 500 anos da morte de Leonardo da Vinci. Para assinalar a data, a British Library, em Londres, preparou uma “exposição única” que irá juntar, pela primeira vez no Reino Unido, uma seleção de páginas de “três cadernos extraordinários” do pintor e inventor italiano. O objetivo é, de acordo com o organismo, “explorar o seu fascínio pelo movimento”, que da Vinci “considerava ser ‘origem de toda a vida’”.

Dois dos cadernos, o Codex Arundel e o Codex Forster, encontram-se atualmente no Reino Unido. O primeiro, a segunda maior compilação de páginas que pertenceram a da Vinci, é um dos maiores tesouros da British Libray e inclui os mais variados materiais, como tratados sobre mecânica ou o voo dos pássaros, desenhos de um aparelho para respirar debaixo de água, adivinhas, profecias e notas pessoais do seu autor. O segundo faz parte do espólio do Victoria and Albert Museum, também em Londres.

A estrela da exposição, intitulada Leonardo da Vinci: A Mind in Motion, será o terceiro caderno, o Codex Leicester, considerado o mais importante de da Vinci sobre ciência. Este pertence a Bill Gates, que o comprou por 30 milhões de dólares (cerca de 26 milhões de euros) em 1994.

Leonardo da Vinci: A Mind in Motion estará patente na British Library em Londres de 7 de junho a 8 de setembro de 2019. A entrada custará 7 libras (perto de 8 euros).

Para mais informações (+)