Museu do Neo-Realismo quer receber espólio da Fundação Mário Soares

53

O presidente da Câmara de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita, manifestou a disponibilidade do seu município, através do Museu do Neo-Realismo (MNR), para acolher a totalidade ou parte do espólio da Fundação Mário Soares.

O MNR tem um dos arquivos mais modernos do país e é palco frequente de visitas de investigadores de todo o mundo em torno de diversas temáticas, em particular sobre o período neo-realista. “Queremos mostrar a nossa disponibilidade para ficar com parte ou a totalidade do espólio da fundação. Isso honrar-nos-ia bastante, seria um grande privilégio. Queremos dizer presente. Mário Soares foi uma figura ímpar da democracia portuguesa. A liberdade e a democracia de que o país hoje goza deve-se a muitos e um deles foi o Mário Soares”, refere Alberto Mesquita.

A Fundação Mário Soares sempre teve uma ligação próxima com Vila Franca de Xira e chegou a colaborar com várias exposições realizadas no MNR, entre elas a que versou sobre o campo de concentração do Tarrafal, em 2010, que contou com a presença do próprio Mário Soares. O MIRANTE contactou a Fundação Mário Soares para obter uma reacção às declarações de Alberto Mesquita mas não recebeu qualquer resposta até à data de fecho desta edição.

Fonte: O Mirante