De Sonia Delaunay a Ângela Ferreira em exposição na Gulbenkian

99

Mais de uma centena de obras de mulheres artistas, produzidas ao longo do último século em Portugal, compõem a nova exposição que a Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, inaugura a 31 de Maio. Intitulada As Mulheres na Colecção Moderna. De Sonia Delaunay a Ângela Ferreira 1916-2018, a exposição, produzida a partir do acervo da instituição, tem curadoria de Patrícia Rosas, e incluirá trabalhos de pintura, desenho, ilustração, têxteis, fotografia, vídeo, escultura e instalação, indicou à agência Lusa fonte da fundação.

Ofélia Marques, Mily Possoz, Sonia Delaunay, Alice Rey Colaço, Raquel Roque Gameiro e Sarah Affonso estão entre as artistas que abrirão este novo percurso expositivo, que se inicia na Primeira República (1910-1933), período de inquietação e rupturas estéticas suscitadas, nomeadamente, pela obra de Amadeo de Souza-Cardoso, um dos introdutores do modernismo em Portugal.