Primeiras pinturas rupestres encontradas na Galiza

535

A caverna de Eirós, na aldeia de Cancelo – no município de Triacastela –, traz a descoberta de pinturas rupestres com motivos animais. À espera dos testes de carbono, os especialistas datam a sua produção há 30.000 anos atrás, com base no estilo e técnica. São as primeiras pinturas rupestres encontradas na Galiza.
“A caverna de Eirós torna-se a primeira manifestação de arte rupestre paleolítica do noroeste peninsular”, disseram os investigadores, “que preenche uma lacuna importante nesta área, uma vez que os mais próximos paralelos estão em apresentações ao ar livre no vale de Foz Coa e Alto Sabor, no norte de Portugal, e nas cavernas de La Viña, Peña de Candamo ou Peña Oscura, na bacia do rio Nalón nas Astúrias”.

Fonte: Arte Capital