Porto vai ter uma bienal internacional de design

365

Os presidentes das Câmaras do Porto e de Matosinhos anunciaram uma Bienal Internacional de Design, batizada como Porto International Design Biennale. O evento arranca no último quadrimestre de 2019 e terá como tema o Post-Millennium Tension.

Os palcos serão vários, do Matadouro de Campanhã, a Casa do Design de Matosinhos, ao Palácio dos Correios do Porto, Casa da Arquitectura – Centro Português de Arquitectura, Galeria Municipal do Porto, Galeria Municipal de Matosinhos, Mercado Municipal de Matosinhos, Museus Municipais do Porto, Teatro Municipal do Porto – Rivoli, Cinema Batalha no Porto, Museu Quinta de Santiago, Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery, Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões e Parque de Estacionamento Matosinhos Sul.

De acordo com a informação divulgada pela Câmara do Porto, a sede da organização será na ESAD- Idea, Associação para a Investigação em Design e Arte e o conselho consultivo da bienal já conta com nomes como os de Andrew Howard, Clarisse Castro, Fernando Rocha, Francisco Providência, Guilherme Blanc, Mariana Pestana e Demetrios Fakinos, Sérgio Afonso será o diretor-geral e José Bártolo o curador geral.

Quanto à escolha do tema da edição inaugural, a organização diz ter como objetivo “analisar e pensar a atual configuração disciplinar do design” numa reflexão que considera a perspetiva histórica e as relações de tensão, afastamento e proximidade, entre o design contemporâneo e o modelo do projeto moderno que vigorou até ao fim do Milénio. As formas e as funções do design produzido nas duas primeiras décadas do corrente século e milénio também estarão em destaque nesta iniciativa que quer problematizar a eficácia social do design e as novas ligações que “sucedem com a dimensão económica, tecnológica, cultural e ambiental”.

Fonte: Expresso