Há uma nova obra de Delacroix para descobrir

58

Delacroix
Femmes d’Alger, Delacroix

Um quadro pintado por Delacroix entre 1833 e 1834, hoje propriedade de uma colecionadora francesa cuja identidade não é conhecida, foi revelado ao público, em Paris, no que pode ser descrito como um momento histórico. “Femmes d’Alger”, assim se chama a pintura, é já considerada uma peça fundamental para se entender uma outra obra célebre do mestre francês, “Femmes d’Alger Dans Leur Appartement“, de 1834, pertencente ao Museu do Louvre, em Paris.

Trata-se de um óleo sobre tela com 46 por 38,5 centímetros, onde se representa uma cena doméstica com duas figuras femininas. A obra estará exposta até 10 de julho na Galeria Mendes, fundada há 12 anos em Paris pelo “marchand” luso-francês Philippe Esteves Mendes. É ele o intermediário da venda e foi ele quem promoveu o estudo da pintura. A mostra é acompanhada por um catálogo de quase 100 páginas com ensaios dos historiadores da arte Virginie Cauchi-Fatiga (especialista em Delacroix) e Nicolas Schaub, da professora de literatura Maryse Violin-Savalle e do crítico de arte Maurice Arama. Todos atestam a autoria e a datação agora atribuídas.

Mas não será necessário esperar por um comprador. A tela já tem destino. Foi entretanto adquirida por um museu público dos EUA, disse o galerista ao Observador, prometendo revelar dentro de poucos dias o nome da instituição, quando o contrato estiver assinado. Ao telefone a partir de Paris, na quarta-feira à noite, Philippe Mendes contou que há cerca de um ano e meio recebeu um contacto da atual proprietária, através de um amigo comum, e que esta se mostrou interessada em vender a tela.

(…)

Fonte: Observador