Museu Nacional de Arte Antiga exibe obra-prima de Josefa de Óbidos

64

Museu Nacional de Arte Antiga, Painéis de S. Vicente

Uma obra-prima da pintora Josefa de Óbidos datada de 1667, vendida em junho num leilão, na Alemanha, está em exibição, no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), em Lisboa.

Intitulada “A Leitura da Sina do Menino Jesus”, a pintura criada por Josefa de Ayalla, conhecida por Josefa de Óbidos, é considerada, pelos especialistas, “uma obra-prima pela qualidade e iconografia rara”.

“É uma peça extraordinária, com um tema muito raro”, avaliou Joaquim Caetano, diretor do MNAA, contactado pela agência Lusa sobre a vinda da pequena pintura para ficar um mês, em exibição, no museu, cujo nome do comprador foi agora revelado.

O especialista em História da Arte revelou que a peça foi adquirida pelo colecionador e galerista argentino Jaime Eguiguren, a quem o diretor pediu para que a cedesse ao museu português, possuidor do maior acervo de obras de Josefa de Óbidos – 15 no total.

“Fomos contactados pelo colecionador, dizendo que tinha a peça, e que queria obter uma opinião do museu. Na altura, na troca de e-mails, eu disse que gostávamos mesmo de a expor no MNAA”, recordou à Lusa o diretor do museu, mostrando-se surpreendido por Jaime Eguiguren ter aceitado de imediato a cedência para Lisboa.

A vinda a Portugal da pintura devocional de pequenas dimensões – totalmente desconhecida dos especialistas – surge num contexto particular, que tem a ver com a previsão da permanência da peça na Alemanha, de onde só partiria para os Estados Unidos dentro de um mês.

Fonte: Observador