Beja celebra cinco anos de cante Património da Humanidade

22

cante alentejano

A abertura de um espaço dedicado ao cante, à viola campaniça e à música tradicional portuguesa vai marcar no sábado o início das comemorações em Beja dos cinco anos da classificação do cante alentejano como Património da Humanidade.

Trata-se do espaço Sala do Cante e da Viola Campaniça/Centro Interpretativo A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria, que vai ser inaugurado e abrir às 17:30 no Centro UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial situado na cidade de Beja.

As comemorações, promovidas pela Câmara de Beja, vão decorrer até 27 de novembro, dia em que o cante alentejano foi classificado pela UNESCO, em 2014, como Património Cultural Imaterial da Humanidade, graças a uma candidatura apresentada pela Câmara de Serpa e pela Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

Além da inauguração do espaço, as comemorações vão incluir também a apresentação de um sítio de Internet dedicado aos grupos corais do concelho e um ciclo de debates, no Centro UNESCO, além de uma rota do cante em igrejas da cidade de Beja.

Fonte: Linhas de Elvas