Assaltantes roubam jóias de museu alemão

46

Stasi Museum, Berlim

Um grupo de assaltantes roubou várias medalhas da era comunista e jóias do Museu Stasi, em Berlim. O prejuízo do assalto ocorrido no domingo de manhã “ascende aos milhares de euros”, segundo a direção do museu situado na sede da antiga polícia secreta na antiga República Democrática Alemã.

Os assaltantes ainda não foram identificados e estão a monte. De acordo com a polícia, o grupo de criminosos subiu o telhado do edifício e entrou pela janela do primeiro andar.

Quando chegaram ao local, os agentes encontraram várias vitrines partidas sem objetos. Entre os artigos roubados encontram-se as medalhas da Ordem de Karl Marx, de Lenine e de um Herói da União Soviética.

“Trata-se de um episódio doloroso até porque coloca em causa a nossa sensação de segurança. Mas em termos de valor não há comparação com o assalto da semana passada em Dresden”, declarou o diretor do Museu Stasi, Jörg Drieselmann.

O roubo no Museu Stasi ocorreu cerca de uma semana depois de um assalto ao Palácio Real de Dresden, com várias peças do século XVIII, cujo prejuízo ascendeu aos milhões de euros, naquele que já é considerado um dos maiores assaltos da história da Alemanha.

Fonte: Expresso