Festival Violas do Atlântico regressa em julho

59

Festival Violas Terra 2020

A 10.ª edição do festival Violas do Atlântico decorre, a 1 de julho, em formato online, com a transmissão de concertos através do Facebook, devido à pandemia de Covid-19.

Este evento prevê um encontro entre a viola de 15 cordas, tocada por Bruno Bettencourt, e a viola de 12 cordas, que chega pelas mãos de Rafael Carvalho.

Para esta edição, trazem vários temas, alguns deles tocados em conjunto, “num trabalho que está sendo preparado à distância e que pretende demonstrar que estas violas, mesmo com algumas diferenças, se complementam” e representam “uma enorme riqueza para a cultura popular açoriana”.

Num festival que “pretende homenagear a riqueza” da viola da terra, instrumento de cordas tradicional dos Açores também conhecido como viola de dois corações, os dois músicos vão apresentar as características dos instrumentos, explorando as “diferenças físicas, diferenças de afinação e diferentes técnicas de execução”.

A 10.ª edição do Violas do Atlântico conta, ainda, com “testemunhos de excelentes músicos” que passaram por outras edições do festival, como Amadeu Magalhães (viola toeira), Chico Lobo (viola caipira — Brasil), José Barros (viola braguesa), Pedro Mestre (viola campaniça) e Ricardo Fonseca (viola beiroa).

Para mais informações (+)