Município de Palmela avança com Centro de Interpretação e Valorização do Território

75

Janela_Fortuna_Arrabida_Palmela

A Câmara Municipal de Palmela lançou o concurso para a obra “Janela da Arrábida”, com o valor de 614.000€, projecto que aposta na preservação e divulgação dos valores naturais e culturais da Serra da Arrábida e no turismo cultural e de natureza.

A “Janela da Arrábida” nascerá no Espaço Fortuna, em Quinta do Anjo, como um centro de interpretação e valorização do território. O espaço multidisciplinar vai integrar uma exposição permanente, de carácter inovador e com recurso às novas tecnologias, para uma abordagem integrada da paisagem, do património natural e cultural.

O futuro centro vai, também, disponibilizar valências como um parque de merendas e contemplação da paisagem, um jardim sensorial, para que os visitantes possam desfrutar dos sons, cheiros, sabores e cores das plantas da Arrábida, um pomar, percursos pedestres e equestres, cafetaria, restaurante, loja, oficinas e espaços para eventos.

Contará, ainda, com um parque de estacionamento apto a receber veículos de pessoas com mobilidade condicionada, bicicletas, autocaravanas, autocarros e outras viaturas. A intervenção nos edifícios existentes e nos espaços exteriores será feita de forma sustentável, em articulação com a paisagem envolvente.

A “Janela da Arrábida” integra a candidatura “Prarrábida”, apoiada por fundos comunitários e desenvolvida em parceria com os municípios de Setúbal e Sesimbra.

Fonte: Turisver