Aberto processo de classificação da obra fonográfica do músico José Afonso

43

zeca_afonso

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) abriu o processo de classificação da obra fonográfica do músico José Afonso por considerar que representa “valor cultural de significado para a Nação”.

De acordo com o anúncio, foi determinada a abertura do procedimento de classificação de um conjunto de 30 fonogramas da autoria do compositor e intérprete José Afonso, bem como 18 cópias digitais de ‘masters’ de produção de um conjunto de cassetes gravadas pelo autor e de um conjunto de entrevistas.

Trata-se de material “cuja proteção e valorização representam valor cultural de significado para a Nação“, lê-se no anúncio, que acrescenta que, independentemente do desfecho do processo, a obra fonográfica do músico irá constar do inventário.

Em 01 de agosto, na véspera do 91.º aniversário do nascimento do músico, o Ministério da Cultura anunciou, em comunicado, a abertura do processo de classificação da obra como um “conjunto de bens móveis de interesse nacional”.