Prémio Paulo Cunha e Silva: exposição dos finalistas

51

premio_paulo_cunha_silva

O Prémio de Arte Paulo Cunha e Silva foi criado em 2015, pela Câmara Municipal do Porto, como homenagem ao antigo vereador da cultura Paulo Cunha e Silva, direcionando‑se a artistas com menos de 40 anos.

O júri da segunda edição do prémio – Isabel Lewis, John Akomfrah, Margarida Mendes e Shumon Basar – analisou os portefólios de 48 artistas selecionados por um conjunto de 16 curadores por eles indicados. Considerando que “os centros consagrados já não podem assumir‑se como centros únicos” o júri selecionou seis artistas de diferentes geografias culturais que, nas suas palavras, são “vozes – estéticas, éticas, técnicas – que articulam o momento atual, ou pressentem até o que está para vir”, que “nos tocaram emocionalmente, seja pela articulação da beleza, da ternura, de circunstâncias políticas ou pela magia.”

Os artistas finalistas são Basir Mahmood, Firenze Lai, Lebohang Kganye, Shaikha Al Mazrou, Song Ta e Steffani Jemison. Os seus trabalhos estarão em exposição a partir de 12 de Setembro e até 15 de Novembro na Galeria Municipal do Porto.

O vencedor será anunciado no decorrer da exposição.

Fonte: Galeria Municipal do Porto