Festivais de Cultura Popular estão de regresso

68

festivais_cultura_popular

O Município da Guarda retoma em junho a realização de Festivais de Cultura Popular no concelho, através das Juntas de Freguesia e de associações, que incluem iniciativas ‘online’ e presenciais.

Em 2020, devido à pandemia de covid-19, a autarquia da Guarda cancelou o Ciclo de Festivais de Cultura Popular, que regressam este ano, embora as iniciativas não possam realizar-se “nos moldes dos anos anteriores”.

Segundo um comunicado da autarquia, os programas dos festivais a realizar entre junho e novembro “deverão decorrer ‘online’ com algumas iniciativas presenciais”, estando previstos documentários sobre edições anteriores, percursos na natureza e ateliês de artes e ofícios.

O ciclo de festivais pretende promover a “preservação dos valores e recursos culturais e naturais” que diferenciam o território, “potenciando um olhar atento pela região e homenageando um legado único de um valor inestimável”, de acordo com a nota.

“O riquíssimo património cultural da região é uma vez mais o protagonista durante os próximos meses nas aldeias do concelho”, é sublinhado.

O primeiro evento realiza-se no dia 04 de junho, com a Feira/Concurso do Jarmelo, no Alto do Jarmelo.

Seguem-se as Jornadas da Lã – Festa da Natureza, em Corujeira e Trinta (12 de junho), o Festival de Cestaria de Gonçalo – Cultura e Arte (11 de julho), o Festival Pão Nosso – Festa da Natureza, em Videmonte (24 de julho), Viagem às Raízes, em Arrifana (29 de agosto) e a Festa da Castanha e da Jeropiga, em Famalicão da Serra (nos dias 06 e 07 de novembro).

Fonte: Jornal do Fundão