Linhas de apoio do Ibermúsicas abertas pela 1.ª vez a músicos portugueses

69

DGARTES

As linhas de apoio do Programa de Cooperação Ibero-americana Ibermúsicas estão, pela primeira vez, abertas a músicos portugueses, depois de Portugal ter aderido no ano passado ao programa, elevando para 14 os países integrados.

A DGArtes e o Instituto Camões são as entidades responsáveis pela operacionalização deste programa em Portugal e o diretor-geral das Artes, Américo Rodrigues, é o representante português no Conselho Intergovernamental e, este ano, integra o Comité Executivo Ibermúsicas.

“Com vista ao apoio a projetos que decorram em 2022, este ano foi aprovada pelo Conselho Intergovernamental a Linha de Apoio ao Setor Musical na Modalidade Virtual — apresentação de candidaturas até 01 de outubro — e as vertentes de Prémios Ibermúsicas de Composição e Estreia de Obras 2021 e de Criação de Canções 2021 — com apresentação de candidaturas, respetivamente, até 01 de outubro e 17 de setembro”, refere a DGArtes, remetendo mais informações para o ‘site’ www.ibermusicas.org, onde estão também disponíveis os formulários de candidatura.

A contribuição anual de Portugal para este programa, de 120 mil euros, é suportada pelos ministérios da Cultura e dos Negócios Estrangeiros, através da DGArtes e do Instituto Camões.

Fonte: Notícias ao Minuto