A Escrita do Porto: Antecedentes | Lançamento do livro de Eduardo Fernandes

209

lancamento_escrita_porto

A Escrita do Porto: Antecedentes é o primeiro de 10 volumes que, no seu conjunto, trazem a resposta de Eduardo Fernandes à pergunta: de que é que se fala, quando se fala da “Escola do Porto”? O autor aborda, neste livro prefaciado por Sergio Fernandez, os Antecedentes da Escrita do Porto, isto é, o contexto da arquitetura portuguesa na primeira metade do século XX, revisitando o legado de Marques da Silva, o dilema da primeira geração moderna e o legado de Carlos Ramos. Aqui, a palavra “escrita” é usada com o sentido de “registo de uma ideia emergente”, que se reconhece em texto, mas também em desenho e em obra.

A sessão de lançamento decorrerá no Palacete Lopes Martins, no dia 2 de julho, às 18h. A apresentação estará a cargo de Sergio Fernandez e Paulo Tormenta Pinto. O acesso é livre, condicionado à lotação do espaço. Caso pretenda garantir lugar, basta enviar email (fims@reit.up.pt) e pedir para reservar.

O livro A Escrita do Porto: Antecedentes é coeditado pela Fundação Marques da Silva, as Edições Afrontamento e o Lab2PT- Laboratório de Paisagens, Património e Território da Universidade do Minho, e conta com o apoio do Centro de Documentação da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto.

Fonte: Fundação Marques da Silva

Siga-nos