“Petites Folies sobre o Douro”: novas descobertas sobre o Douro

82

Porto_Design_2021_Petit_Folie

Até 25 de Julho, há um percurso arquitectónico que “oferece pontos de paragem para novas descobertas” — do outro e de novas paisagens —, ao longo do Douro. O projecto é uma actividade satélite da Porto Design Biennale 2021, que resulta de uma cooperação estabelecida entre a Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP) e a Escola Superior de Artes e Design (ESAD).

A iniciativa partiu de dois docentes, Ana Neiva e João Nuno Gomes, e propõe um conjunto de instalações no espaço público, “reconfigurando as realidades locais e redefinindo os percursos citadinos, a partir da criação de novos pontos e enquadramentos da paisagem”. O nome: Petites Folies sobre o Douro.

Os seis pontos assinalados no percurso arquitectónico “articulam espaços de escalas e naturezas distintas que partilham, como denominador comum, a oportunidade de contemplação de uma paisagem mais vasta a partir da definição de novos enquadramentos, redescobrindo novas perspectivas sobre o Douro”, referem os docentes, citados em comunicado enviado ao P3. E passam por museus e faculdades, mas também por lavadouros comunitários e miradouros.

As instalações foram desenvolvidas num workshop de arquitectura e design por estudantes dos dois cursos. Depois do encerramento da Bienal, os objectos artísticos vão ser leiloados e a receita será doada a associações de apoio social das freguesias onde cada uma das peças está.