Exposição de fotografia “Rostos e Vozes da Serra: Guardiães do Solo e da Água” em Silves

18

exposicao_fotografia_rostos_vozes_silves

A exposição de fotografia “Rostos e Vozes da Serra: Guardiães do Solo e da Água”, da autoria da antropóloga Sónia Tomé, foi inaugurada esta sexta-feira, 3 de Setembro, e estará patente na Torre de Menagem do Castelo de Silves até 31 de Dezembro.

Integrada no projeto “Rio Arade: Percurso das Fontes Boião-Azilheira”, a exposição é «mais um passo para sensibilizar o público em geral para a importância da serra, no que diz respeito ao equilíbrio ambiental da região algarvia, em especial, quanto à disponibilidade e qualidade da água doce», diz a Lugar Comum numa nota de imprensa.

Trata-se de uma coleção de fotografia «usada enquanto instrumento de pesquisa e de reflexão antropológica», mas também de uma «importante homenagem aos modos de vida locais e a todos os que habitam este território», conclui a Lugar Comum.

Esta é uma iniciativa da Cooperativa QRER e do “Percurso das Fontes”, tendo como promotor a autarquia de Silves.