Projeto sobre a “Casa Comum” apresentado em Lamego

41

casa_comum_museu_lamego

O Museu de Lamego e a Rede de Monumentos do Vale do Varosa assinalam a 25 de setembro as Jornadas Europeias do Património, dedicadas este ano ao tema Património e Sustentabilidade, com a apresentação do projeto “Oikos – A Casa Comum”, numa iniciativa de João Pereira (Teatro Solo).

A cisterna medieval do Castelo de Lamego recebe, pelas 16h00, a leitura encenada de “LAUDATO SI – O Cuidado da Casa Comum” por João Pereira, que toma como ponto de partida a encíclica do Papa Francisco com o mesmo nome “numa mensagem de alerta sobre a necessidade absoluta de preservar e de cuidar o planeta, a casa comum”.

Às 18h30, “LAUDATO SI” será repetido no Convento de Santo António de Ferreirim, seguido da apresentação do projeto “Oikos”, que quer ser um fórum regular de discussão sobre ambiente e sustentabilidade com o envolvimento da comunidade local e a participação de convidados ligados diretamente à temática.

Segundo os promotores desta iniciativa, o projeto pretende ser “um lugar de diálogo com a sociedade, sobre cultura ambiental” a partir do convento dedicado a São Francisco de Assis, “justamente uma das primeiras figuras da cultura ocidental a pensar a natureza com espaço de comunhão fraterna”.

O projeto será apresentado numa conversa moderada por João Pereira, com a participação dos biólogos João Cabral e Alexandre Hoffmann Castela, da museóloga e diretora do Museu de Lamego Alexandra Falcão e do antropólogo Fernando Ribeiro.
A entrada é gratuita, sujeita à capacidade dos espaços.

Siga-nos