Braga adere à rede ´Cidades Históricas 3.0´

73

braga

Braga integra a rede ´Cidades Históricas 3.0´, um projeto que tem como principal objetivo discutir problemas, trocar experiências, e encontrar soluções para o desenvolvimento do turismo sustentável.

O processo de adesão a este projeto foi gerido pelo Município de Cracóvia, responsável pela sua implementação. Graças ao seu património secular e às atrações turísticas únicas, as cidades históricas reforçam as economias locais e são fundamentais para a atratividade da marca dos países.

O aumento do turismo coloca a estas cidades um conjunto de desafios, nomeadamente ao nível da sustentabilidade. O projeto assenta na ideia de que as cidades europeias devem ser locais onde se caminha em direção ao progresso social e ambiental, mantendo simultaneamente a atratividade e o crescimento económico. Nesse sentido, é essencial encontrar uma abordagem integrada que tenha em conta todos os aspetos do crescimento sustentável.

Os membros da rede ´Cidades Históricas 3.0´ comprometem-se a colaborar em áreas como a gestão turística, a conciliação do turismo com a vida da comunidade, o desenvolvimento económico, a estratégia de comunicação e o próprio ordenamento do território. Esta entidade realiza conferências onde se promove a troca de ideias e de experiências entre as cidades membro.

Nesta rede estão também as cidades de Cracóvia, Łańcut, Gdansk, Lublin, Poznań, Świdnica, Tarnów, Torún, Breslávia, Zamość (Polónia), Edimburgo (Escócia), Budapeste (Hungria), Kiev (Ucrânia), Lviv (Ucrânia), Tiblissi (Geórgia), Veliko Tarnovo (Bulgária) e Antália (Turquia).

Siga-nos