Concurso ProMuseus vai apoiar projetos de 40 museus no valor de 1,6 milhões de euros

198

promuseus_2023

Na sequência do concurso aberto este ano pelo ProMuseus, foram registadas 91 candidaturas apresentadas por 70 museus, das quais 83 foram admitidas, segundo um comunicado da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), que irá comparticipar com 997.854,31 euros, a atribuir de forma repartida em 2023 e em 2024.

O apoio da DGPC será disponibilizado de forma repartida em 70 por cento para 2023 e em 30 por cento em 2024, segundo o comunicado.

O Programa de Apoio ProMuseus, destinado aos museus credenciados na RPM não dependentes da administração central, é gerido pela DGPC, e tem como principais objetivos “promover a qualificação dos museus portugueses, contribuir para a preservação do património cultural e melhorar a prestação de serviços ao público”.

O concurso, aberto este ano, apresentou como áreas de apoio preferenciais o estudo, investigação e exposições; inventário, documentação e digitalização de coleções; acessibilidade e inclusão; capacitação de equipas; parcerias.

Entre 2019 e 2023 foram abertos três concursos do Programa ProMuseus, que registaram um total de 238 candidaturas, 144 projetos apoiados e um valor de investimento total de 2.651.974,10 euros, recorda a DGPC.

Entre os museus apoiados este ano estão o Museu Municipal Carlos Reis, em Torres Novas, na área das parcerias, o Museu Militar de Lisboa e o do Porto (inclusão e acessibilidade), o Museu Municipal de Coimbra (estudo, investigação e exposições), o Museu da Fundação Cupertino de Miranda (investigação, documentação de digitalização de coleções), o EcoMuseu do Seixal (estudo, investigação e exposições), e o Museu das Flores, nos Açores (inclusão e acessibilidade).

O Museu da Chapelaria (inclusão e acessibilidade), o Museu do Douro (estudo, investigação e exposições), o Museu Municipal de Arqueologia de Silves (estudo, investigação e exposições), o Museu do Pico (inclusão e acessibilidade), o Museu de Arte Sacra do Funchal (estudo, investigação e exposições) e o Museu Municipal de Ourém (inclusão e acessibilidade) também estão entre os selecionados no concurso.

Siga-nos