A Brasileira do Chiado lança prémio de pintura

119

premio_a_brasileira

Os 100 anos da primeira geração de quadros expostos n’A Brasileira, que se celebra em 2025, foram o mote para que A Brasileira se reencontre com as artes através do lançamento do “Prémio de Pintura A Brasileira do Chiado”, que se destina a promover os novos valores no domínio das artes visuais, em particular da pintura. O prémio distinguirá 10 obras de artistas nacionais que ficarão em exposição temporária no Café, em 2025, permitindo à comunidade artística e ao público a sua fruição, enquanto as atuais obras serão objeto de restauro.

A seleção das obras e a escolha final dos trabalhos premiados está ao encargo de 7 jurados: Tiago Quaresma, Administrador do Grupo O Valor do Tempo, de que faz parte A Brasileira; João Bernardo Galvão Teles, bisneto do fundador d’A Brasileira, jurista e consultor em História e Património; Emília Ferreira, Diretora do  Museu Nacional de Arte Contemporânea (MNAC); Cláudio Garrudo, Diretor da Unidade de Edição e Cultura INCM; Maria Aires Silveira, Curadora no  Museu Nacional de Arte Contemporânea (MNAC); José Quaresma, Professor Associado com Agregação da FBAUL e Paulo Almeida Fernandes, Historiador de Arte e coordenador da área de investigação do Museu de Lisboa.

O anúncio dos vencedores está previsto para 19 de novembro de 2024, data em que se assinala o 119º aniversário d’A Brasileira.

Este prémio agora lançado homenageia e valoriza o fundador e a História, apoia a comunidade artística e retoma a relação de proximidade dos artistas com um lugar do imaginário de todos os lisboetas.

Regulamento e condições de participação em www.abrasileira.pt

Siga-nos