“Poéticas Revolucionárias” em exposição no Museu Nacional do Azulejo

66

exp_poeticas_revolucionarias

O Museu Nacional do Azulejo, em Lisboa apresenta uma exposição da artista Manuela Pimentel, intitulada “Poéticas Revolucionárias”, que homenageia os poetas portugueses em tempos de comemorações dos 50 anos do 25 de Abril.

De acordo com um comunicado do museu, trata-se de uma exposição individual de Manuela Pimentel, que integra cerca de 20 trabalhos, alguns inéditos, que consistem em composições de pintura instalada, com inspiração e matéria-prima provenientes das ruas.

Velhos cartazes arrancados das paredes são transformados numa espécie de azulejos, numa coleção de materiais aparentemente caótica e aleatória que resulta em obras que parecem estar inacabadas.

O trabalho da artista presta homenagem a poetas portugueses cuja obra se possa relacionar com as comemorações dos 50 anos do 25 de Abril, como é o caso do poeta e músico José Mário Branco.

Manuela Pimentel, nascida no Porto em 1979, é licenciada em Artes Plásticas pela Escola Superior Artística do Porto e expõe desde 2001, tendo a sua obra sido distinguida, em 2022, com o Prémio Voto Público do Sovereign Portuguese Art Prize.

A exposição “Poéticas Revolucionárias” vai estar patente ao público no Museu Nacional do Azulejo até 08 de setembro deste ano.

Siga-nos