Festival Jardins Abertos estreia-se no Porto

168

festival_jardins_abertos

O festival Jardins Abertos chega ao Porto, pela primeira vez, no último fim de semana de junho. Depois de 13 edições em Lisboa, a iniciativa vai dar a conhecer alguns dos jardins mais emblemáticos da Invicta. A entrada é gratuita.

Através de visitas livres e guiadas, os visitantes irão ficar a conhecer melhor seis jardins privados e institucionais da cidade: o Jardim Botânico da Universidade do Porto, o Jardim da Casa Tait, o Jardim da Casa Allen, os jardins secretos da Massarelos House e da Casa Camélia e a Horta Porto Business School.

De acordo com a organização do festival Jardins Abertos, o objetivo é aproximar as “pessoas à natureza em contexto urbano, de forma gratuita e acessível”, até porque a identidade da cidade “é também a história dos seus jardins, das ligações românticas ao rio Douro, aos desenhos contemporâneos dos novos espaços verdes e parques da cidade”.

Estão ainda previstas visitas orientadas, mediante a ordem de chegada dos interessados. A abertura dos portões será assinalada com uma atividade de jardinagem coletiva no Jardim Botânico, convidando os visitantes a colocarem as mãos na terra. A oficina acontece no dia 29 de junho, às 15 horas.

Os jardins estarão abertos, a visitas livres, entre as 10 e as 18 horas.

Siga-nos